Hawker Hurricane MkI (1/72)

A01010

Novo produto

Kit em plástico da Airfix, à escala 1/72, serve de base para construção do caça Hawker Hurricane MkI, com decalques para uma versão da RAF.

Mais detalhes

Esse produto já não se encontra disponível

Ao comprar este produto pode ganhar até 5 pontos de fidelização. Seu carrinho totalizará 5 pontos de fidelização que podem ser convertidos num vale de desconto de 0,05 €.


5,39 € Com IVA

-40%

Antes 8,99 €

0.52 kg
Entrega: 1 a 6 semanas

Adicionar à Lista de desejos

Ficha informativa

MarcaAirfix
ReferênciaA01010
TipoKit em plástico
Escala1:72
MotivoCaça
Peças plástico51
Tamanho133 x 171mm
DecalquesRoyal Air Force
Periodo histórico2ª Guerra Mundial
AtençãoNão incluí tintas nem cola (venda em separado).
ConteúdoPeças em plástico para 1 kit | Decalques | Manual de instruções

Mais informação

O Hawker Hurricane foi um dos mais famosos aviões de caça britânicos da Segunda Guerra Mundial. Projetado em 1934, por Sidney Camm, foi o primeiro caça monoplano da Royal Air Force (RAF) e também o primeiro que podia atingir velocidade superior a 480 km/h (ou 300 ml/h).

Os primeiros Hurricane foram entregues à RAF em dezembro de 1937 e, em setembro de 1939, já equipavam 18 esquadrões, alguns dos quais foram enviados para a França. Mais de metade dos aviões alemães abatidos durante o primeiro ano da guerra, foi vítima dos Hurricane.

O maior peso da Batalha da Inglaterra coube aos 32 esquadrões de Hurricane disponíveis, que tinham a incumbência de atacar os bombardeiros alemães, deixando aos Spitfire, mais ágeis e mais velozes, a tarefa de enfrentar os caças nazis.

Em 1941, alguns exemplares da versão Mk.I foram modificados para o lançamento através de catapulta. Estes modelos ficaram conhecidos pelo nome de Hurricat. Em 1942, foi lançada a versão Sea Hurricat, para catapulta e porta-aviões.

Durante os primeiros anos da Segunda Guerra Mundial, 2952 exemplares foram fornecidos à União Soviética, e deram boas provas também naquela frente.

No total, foram produzidos 14533 Hurricane, nas versões Mk.I (1937), Mk.II (1943), que se distinguiram em todas as frentes, inclusive como aviões de ataque ao solo, papel no qual se destacou no Teatro do Norte da África, onde vários modelos de Hurricanes tiveram um par de canhões automáticos de 40 mm, mais que suficiente para penetrar a blindagem de qualquer tanque alemão da época.

Portugal recebeu durante a 2ª Guerra Mundial uma quantidade considerável de aviões Hurricane Mk. II.

Após terem sido recebidos, os Hurricane Mk.II constituiram a espinha dorsal da aviação de caça portuguesa, embora também tenham sido recebidos aviões Spitfire MkI e e mais tarde, variantes do Mk.V.

Os Hurricane portugueses eram de dois tipos:

Hurricane Mk. IIB (com 12 metralhadoras 7,7mm)
Hurricane Mk. IIC (com 4 canhões 20mm)

Portugal foi mesmo um dos últimos países a abater ao efetivo, este avião, tendo o último voado em 1954.

 

Portugal.jpg Com os decalques corretos, e algumas alterações, este pode mesmo ser um dos Hurricanes Portugueses.

Kit em plástico da Airfix, à escala 1/72, serve de base para construção do caça Hawker Hurricane MkI, com decalques para uma versão.

Avaliações

Sem avaliações neste momento.

Escrever uma avaliação

Hawker Hurricane MkI (1/72)

Hawker Hurricane MkI (1/72)

Kit em plástico da Airfix, à escala 1/72, serve de base para construção do caça Hawker Hurricane MkI, com decalques para uma versão da RAF.

Acessórios

30 outros produtos na mesma categoria: